PREFEITURA TRABALHA POR UM TRÂNSITO MAIS SEGURO


PREFEITURA TRABALHA POR UM TRÂNSITO MAIS SEGURO
PREFEITURA TRABALHA POR UM TRÂNSITO MAIS SEGURO

O diretor do Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) de Barcarena, Paulo Cesar Melero, disse que o trabalho de fiscalização no município tem sido reforçado, mesmo com o pouco número de agentes, para tentar reduzir o número de acidentes na cidade. Nesta entrevista à Assessoria de Comunicação, Melero destacou a participação do prefeito Antônio Carlos Vilaça nas decisões do Departamento. O prefeito “espera que o transito do município seja mudado para melhor”, afirmou o diretor do Demutran. Confira.

 
Ascom – Qual o papel do Demutran em Barcarena?
 
Melero – Basicamente, o papel do Demutran é fiscalizar o trânsito, cuidar do trânsito de modo geral. O Departamento tem os seus agentes e, por meio deles, faz a fiscalização dentro de sua competência. 
 
Ascom – Quantos agentes o Demutran tem hoje?
 
Melero – Hoje são 13 agentes para todo o município. É muito pouco. Nós estamos aguardando a realização do concurso público e, assim, vamos poder contar com um número maior de agentes.
 
Ascom –Mesmo com pouco dá pra fazer muita coisa?
 
Melero – O que é mais urgente. A gente sabe que dá pra fazer mais. Só que pra fazer mais, precisamos de mais agentes. Hoje procuramos fazer o melhor com o que temos para atender a população da melhor maneira possível.
 
Ascom – Como o senhor avalia o trânsito de Barcarena?
 
Melero – O trânsito aqui é complicado. A gente vê muita falta de preparo por parte dos condutores, um abuso e exagero muito grande. E vemos tanto acidentes que poderiam ser evitados. O Departamento tem trabalhado para coibir esses exageros, por. exemplo, o mototaxi ou qualquer outro condutor de moto levando mais de um passageiro no veículo, às vezes, uma família inteira em cima de uma moto, então, nós estamos trabalhando firmemente para coibir isso. 
 
Ascom – O Demutran tem dados recentes de acidentes envolvendo motociclistas?
 
Melero – Sim. O número de acidentes com motos é muito alto. Há uma diferença muito grande entre o número de acidentes com motos e carros. As estatísticas mostram que 90% hoje são acidentes com moto.
 
Ascom – O que, na prática, o Demutran tem feito para reduzir esses acidentes?
 
Melero – O nosso papel tem sido o de fiscalizar. A parte de educação aqui do Demutran tem orientado e fiscalizado esses condutores a não andar de modo irregular, de modo errado... Todas as sextas-feiras temos aqui palestras da Notificação Consciente, em que a nossa equipe de Educação no Trânsito vai às ruas , faz o seu trabalho que é fiscalizar e essas pessoas veem aqui participar da palestra para receber orientação. Cada encontro chega a ter 30 pessoas.
 
Ascom - Quem participa não leva multa?
 
Melero – Exatamente, quem participa não é multado. Se essa pessoa não comparecer aí, sim, aquela notificação vai virar uma multa.
 
Ascom – Como está a manutenção da sinalização das ruas?
 
Melero – Está sendo feita. Inclusive nos vamos começar agora a pintura das lombadas e faixas na Vila dos Cabanos. Inclusive a rua Germano Aranha, conhecida como Rua da Lama, vai mudar o seu sentido. É uma medida já aprovada pelo prefeito Antônio Carlos Vilaça para melhorar o trânsito na vila. Isso vai acontecer ainda neste primeiro semestre. O sentido único será do edifício Mirante até a Paragás.
 
Ascom – O prefeito tem acompanhado as ações do Demutran?
 
Melero – Sim, o prefeito tem grande interesse no trabalho do Departamento e espera que o trânsito do município seja mudado para melhor.