EM PARCERIA COM A PREFEITURA, ARCON VAI EMITIR CARTEIRA ESTUDANTIL INTERMUNICIPAL EM BARCARENA


EM PARCERIA COM A PREFEITURA, ARCON VAI EMITIR CARTEIRA ESTUDANTIL INTERMUNICIPAL EM BARCARENA
EM PARCERIA COM A PREFEITURA, ARCON VAI EMITIR CARTEIRA ESTUDANTIL INTERMUNICIPAL EM BARCARENA

Os estudantes universitários de Barcarena vão poder emitir a carteira de meia passagem intermunicipal na própria cidade. A Agência de Regulação e Controle de Serviços Públicos do Estado do Pará (Arcon), em parceria com a prefeitura municipal, vai emitir a carteira em dois endereços: no setor de passes da Secretaria Municipal de Educação (Semed), em Barcarena Sede, e no auditório da UAB, ao lado da Subprefeitura, na Vila de São Francisco. A ação ocorre a partir de amanhã até sexta-feira (31) e de 3 a 7 de junho.

De acordo com a secretária de Educação de Barcarena, Ivana Ramos, o documento estadual irá garantir o direito de ir e vir dos estudantes. “A meia passagem é resguardada por uma lei estadual e fiscalizada pela Arcon. A prefeitura, por sua vez, paga a outra metade da passagem e o serviço fica gratuito aos alunos. Para que os universitários não sejam tratados de forma discriminatória e desrespeitosa, a emissão da carteira estudantil é indispensável e obrigatória. Com isso, pretendemos garantir o direito dos alunos no transporte fluvial de Barcarena para Belém", destacou.

Quem está feliz com a novidade é o estudante de engenharia elétrica da Universidade Federal do Pará (UFPA), Ederson Santos, de 21 anos. “Acredito que a carteira da Arcon vai melhorar nossa vida, porque a demanda de alunos para Belém é muito grande e nem sempre os barqueiros respeitam nossos direitos. Eu, por exemplo, tenho aula só uma hora da tarde, mas venho para o porto antes das 10h para não correr risco de atraso no embarque”, contou.

Para emissão do documento, é necessário apresentar duas fotos 3x4, declaração ou atestado de matrícula e original e cópia do comprovante de residência atualizado (água, energia ou telefone), carteira de identidade (RG) e Cadastro de Pessoa Física (CPF). Os universitários da rede privada de ensino também devem apresentar comprovação de renda, própria ou do responsável, de até dois salários mínimos (alunos do ProUni não precisam comprovar renda, só apresentar cópia do contrato ou declaração atualizada).

Atualmente, Barcarena possui cerca de 1.900 alunos cadastrados no passe estudantil, representando, por mês, investimento de R$ 700 mil para o transporte de universitários no trajeto Barcarena-Belém-Barcarena.

Serviço – A emissão da carteira intermunicipal da Arcon aos estudantes universitários de Barcarena ocorrerá de 08h às 14h, no prédio da Semed (Av. Cronje da Silveira, bairro Centro, em Barcarena Sede), e de 08h30 às 13h, no auditório da UAB, ao lado da Subprefeitura (PA 481, S/N, Complexo Administrativo, na Vila de São Francisco). O período de emissão do documento é de 29 a 31 de maio e de 3 a 7 de junho.